Porque Amamos os Animais

 

Para a maioria de nós, a visão de um animal nos enternece. Ver  cãezinhos brincando, observar sua vivacidade, ou a graça de um destes gatões de telhado voando pelos muros e árvores… Ou a pueril imagem de bois e vacas pastando em sua infinita paciência, com seus mugidos calmos de bicho solto que não precisa ter medo ou pressa… E os cavalos, ah, os cavalos e sua altiva e radiante beleza, como é fácil sentir o coração aquecido de bons sentimentos por estes animais…

Por que amar os animais? Porque antes de tudo, amar é um sinal de Saúde Mental e Emocional. Porque uma das finalidades existenciais dos animais, não importa de animais de companhia, selvagens ou de produção, uma das finalidades é despertar em cada um esta vocação inata do homem que é a capacidade de sentir, de amar. Pois quem não consegue amar não está completo. Falta-lhe algo, e isso se refletirá em dificuldades de relacionamento no dia a dia, um bloqueio, um mau sentir, e assim será difícil ser uma pessoa feliz.

Você já havia parado para pensar nisto? Que um animal está aqui, convivendo no mesmo planeta que nós, para nos entreter, para enfeitar a natureza, para aprendermos as funções biológicas, respeitarmos a diversidade, sermos mais generosos, reflexivos, zelosos e responsáveis…

Maltratar animais, além de ser criminoso, mostra um caráter doentio, psicològicamente desequilibrado. Ninguém estará bem consigo mesmo praticando violências, principalmente a outros seres vivos, e a aqueles que não podem se defender.

Qualquer animal, mas vemos com mais frequência com os cães e gatos, pois são os que mais convivem conosco, demonstra um amor incondicional, e este não é movido por simples instinto ou interesse. O amor não é um sentimento passageiro, e sim uma força, uma maneira de ser e estar. E eles nos mostram muito bem isso,  nos amam incondicionalmente, na abastança, na miséria, não querem saber se somos feios ou bonitos, gordos ou magros, ricos ou pobres, instruídos ou analfabetos, poderosos ou desconhecidos. Apenas estão ali, acompanhando nossos passos com seu amor invencível, e sendo nossos mestres na arte de ter Fé, porque com certeza, eles têm absoluta confiança que iremos sempre cuidar deles, tratá-los bem e alimentá-los. Da parte deles, não duvidarão que vamos lhes garantir um lugar para dormir, uma boa tigela de água e  duas rações diárias, pelo menos.

Tal confiança, tal entrega em nossas mãos, tende a desenvolver em nós este carinho, mesmo que por obra de uma vida sofrida, não for inato, com certeza despertará um bem querer, um sentimento de responsabilidade, de proteção, magicamente irresistível. E é através desta mágica que nos vemos amando estes nossos amigos peludos.

Por que amamos os animais? Porque eles nos ensinam.

Por Leonora Mello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *